Quem Somos

Observatório do Legislativo Brasileiro (OLB) produz informações e análises qualificadas sobre o comportamento dos parlamentares no Congresso Nacional. Com isso, pretende subsidiar as escolhas eleitorais dos cidadãos e a atuação de organizações da sociedade civil e de movimentos sociais.

São consideradas apenas as ações concretas dos parlamentares que dizem respeito à tramitação e aprovação de políticas públicas. A posição ideológica do parlamentar, informações relacionadas à sua frequência na casa ou até seu envolvimento em denúncias de corrupção não são consideradas aqui.

O OLB é resultado da colaboração entre o Núcleo de Estudos sobre o Congresso (NECON) e o Laboratório de Estudos de Mídia e Esfera Pública (LEMEP), ambos do IESP-UERJ. Com o emprego de uma metodologia testada, o OLB considera ações essenciais dos legisladores dentro do Congresso (relatoria de projeto, emenda, discurso, voto etc).

Como resultado, são criados rankings para mostrar a atuação dos parlamentares em temas de grande impacto e interesse da sociedade. Pretende-se assim reduzir a assimetria informacional entre as grandes corporações – de conhecido e privilegiado acesso ao poder público – e os cidadãos, as organizações da sociedade civil e os movimentos sociais que desejam participar de forma mais efetiva no debate político no país.

Os instrumentos e serviços aqui disponibilizados visam, portanto, aperfeiçoar mecanismos de participação e deliberação da vida democrática brasileira.

FABIANO GUILHERME MENDES SANTOS

Coordenador do Núcleo de Estudos sobre o Congresso (NECON), possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1986), mestrado em Ciência Política (Ciência Política e Sociologia) pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (1990) e doutorado em Ciência Política (Ciência Política e Sociologia) pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (1994). Presidente da Associação Brasileira de Ciência Política (ABCP) de 2008 a 2012. Atualmente é professor/pesquisador da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Instituto de Estudos Sociais e Políticos – IESP). É editor associado da Journal of Politics in Latin America. Foi membro do Conselho de Redação de DADOS – Revista de Ciências Sociais no período de 2006 a 2009. Tem experiência na área de Ciência Política, com ênfase em instituições políticas brasileiras e em perspectiva comparada.

JOÃO FERES JR.

Coordenador do Laboratório de Estudos de Mídia e Esfera Pública (LEMEP), possui graduação em Ciências Sociais e mestrado em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas (1988 e 1997) e mestrado e doutorado em Ciência Política pela City University of New York, Graduate Center (1998, 2003). Foi professor de ciência política do IUPERJ de 2003 a 2010 e da UNIRIO de 2010 a 2012. É, desde 2010, professor de Ciência Política do Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP), da UERJ. É também coordenador do Grupo de Estudos Multidisciplinares da Ação Afirmativa (GEMAA) e do Observatório das Ciências Sociais (OCS). Trabalha atualmente com os seguintes temas: mídia e esfera pública, mídia e eleições, teoria política, políticas de ação afirmativa, relações raciais, teoria do reconhecimento e teoria da história conceitual.

JÚLIO CANELLO

Pesquisador Sênior no Núcleo de Estudos sobre o Congresso (NECON). Doutor e Mestre em Ciência Política pelo IESP-UERJ, onde também realizou Pós-Doutorado. Foi pesquisador visitante no Massachusetts Institute of Technology (MIT) e aluno na Universidade de Harvard. É também Especialista em Pensamento Político Brasileiro pela UFSM, onde cursou Ciências Sociais e Direito. Possui experiência em análise de dados, estudos legislativos e comportamento judicial. Sua pesquisa já foi premiada nacional e internacionalmente (ANPOCS, ALACIP, Comparative Political Studies).

LEONARDO MARTINS BARBOSA

Doutor em Ciência Política pelo IESP-UERJ e pesquisador júnior do NECON. Estuda partidos políticos e sistema partidário brasileiro, com ênfase na inserção do PT no sistema político nacional. Tem graduação e mestrado em história, quando estudou história política contemporânea do Brasil.

FERNANDO MEIRELES

Doutor em Ciência Política pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e Pós-Doutorando no IESP-UERJ. É pesquisador do Centro de Estudos Legislativos (CEL/UFMG) e foi pesquisador visitante no Departamento de Ciência Política da University of Essex. Possui Mestrado em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e Bacharelado em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Tem experiência nas áreas de Política Comparada, Instituições, Estudos Legislativos e Métodos Quantitativos aplicados às Ciências Sociais, com ênfase em inferência causal. Atualmente, pesquisa a política distributiva de governos de coalizão na América Latina.

Compartilhe: